Dal de batata doce e côco

 
DSC_0456.jpg
DSC_0450.jpg

Falando em receitas para a felicidade, às vezes é tão simples quanto uma taça cheia de caril a fumegar, com um crepe-que-queria-ser-tortilla incrível de saudável e saboroso a acompanhar. Rico em hidratos, rico em proteínas, rico em tudo, principalmente no sabor. É doce e bem consistente, provavelmente não ao agrado de todos. Mas também, a vida é assim mesmo.

Dal de batata doce e côco

1kg batata doce
200g chana dal
2 c.sopa óleo de côco
2 c.sopa gengibre em pó, ralado
6 folhas de caril
1 folha de lima
2 malaguetas vermelhas
3 dentes de alho
2 c. chá açafrão em pó 
2 c. chá cardamomo moído
2 c. chá sementes de coentros moídas
3 cravinhos
1/2 chav côco seco tostado
200 ml leite de côco
1 lata 400g tomate pelado
1 c cha pimenta preta
Sal


crepe-tortilla de farinha de grão
130g farinha de grão
2 c.sopa de linhaça moída
2/3-1 cháv. água
1/2 c.chá flor de sal moída
pimenta preta
azeite, para untar

adições opcionais: 1 chá curcuma + 1 c.chá pimenta preta OU 2 c.sopa ervas de provença OU 1 c.sopa de zaatar OU 2 c.sopa coentros e cebolinho picados



Para o dal

Cortar a batata doce em pedaços de 2cm.
Numa panela ou frigideira larga, aquecer o óleo de côco. Quando estiver quente, adicionar o gengibre, as folhas de caril e lima, as malaguetas picadas, os dentes de alho picados e as especiarias. Para poupar tempo podem triturar num processador tudo menos as folhas e as especiarias. Quando começarem a libertar o aroma, mas sem queimar, adicionar a batata, o dal, o leite de côco e o tomate. Levantar fervura e deixar cozinhar a lume brando cerca de 20-30 minutos, até a batata e o dal estarem completamente tenros e cozidos, mas sem se desfazerem. Adicionar um pouco de água a meio do tempo se o caril estiver muito seco. Temperar com flor de sal e pimenta preta e servir com o crepe de grão e lentilhas.

Para a tortilla
Misturar muito bem todos os ingredientes com uma vara de arames até obter uma massa lisa e homogénea. Pessoalmente sinto sempre a necessidade de acrescentar 1 cháv. inteira de água porque depois sinto que a massa fica muito espessa e pesada, e prefiro algo mais leve e próximo da consistência de um crepe.

Aquecer uma frigideira ao lume e untar com um pouco de azeite. Quando estiver quente, adicionar uma concha da massa, espalhar agil e rapidamente até que fique com uns 16-18cm de diâmetro, cozinhar 2-3 minutos até as bordas começarem a levantar e já parecer quase toda cozida, virar e cozinhar mais um minuto do outro lado.


serve 5-6